Peças para o próximo leilão

41 Itens encontrados

Página:

  • José Pancetti (Campinas/SP, 1902 - Rio de Janeiro/RJ, 1958). CRIANÇAS NA RUA. Sem data. Carvão e pastel sobre papel. 40 x 30 cm. Assinado J. Pancetti (cid). No verso: etiqueta do moldureiro Jaime Vilaseca + etiqueta com o nome Florinda. Trabalho rápido e espontâneo, que bem denuncia o traço inconfundível do artista.
  • Edgard Maxence (Nantes, França, 1871 - La Bernerie-en-Retz, França, 1954). L´HEURE PAISIBLE. Óleo sobre tela. 105 x 52 cm. Pequeno defeito na moldura, conforme ilustrado. Placa com a seguinte inscrição: E. MAXENCE / L´HEURE PAISIBLE / SALON DE 1922. (Refere-se à edição de 1922 do Salon Officiel des Artistes Français). Importante pintor simbolista francês, Maxence está representado em vários museus da França, incluindo cinco trabalhos no Musée d´Orsay. No verso, carimbo da Galeria Jorge, estabelecida a partir de 1908 no Rio de Janeiro e ativa nesta cidade até meados dos anos 1930. A obra participou, muito provavelmente, da grande exposição de artistas franceses promovida por esta casa e inaugurada no dia 3 de julho de 1930. Foi adquirida pelos atuais proprietários no leilão da Bolsa de Arte do Rio de Janeiro do dia 17 de novembro de 1981, sob o lote número 86 (reproduzida no catálogo).
  • Manoel Santiago (1897-1987). PALETA DO PINTOR. 1984. Pintura sobre paleta de cedro. Assinada Manoel Santiago (cid e verso). 32,5 x 44 cm (a paleta); 70 x 84,5 cm (a peça). Passe-partout manchado. Acompanha declaração de autenticidade assinada pelo artista e foto do artista junto ao quadro. Raridade deste grande artista, "o maior pintor do Brasil", como a ele se referia o pintor Di Cavalcanti.
  • Armando Balloni (1901-1969). PAISAGEM COM CASA. 1947. Óleo sobre tela. 50,5 x 61,5 cm (mi); 75,5 x 86,5 cm (me). Assinado A. Balloni XLVII (cie). Moldura contém placa identificadora de metal com a inscrição ARMANDO BALLONI. Em perfeito estado de conservação. Excelente oportunidade para colecionadores e admiradores deste artista tão identificado com a cidade de São Paulo.
  • Nicola Antonio Facchinetti (Italia, 1824 - Rio de Janeiro, 1900). PEDRA DE ICARAHY E ITAPUCA. 1889. Óleo sobre madeira. 20 x 35 cm. Assinado N Facchinetti 1889 (cid). Moldura sem contato com a obra. No verso: Pedra de Icarahy e Itapuca - Quadro pintado fielmente do natural em Maio de 1889, de encommenda do Ilmo. Capão Carlos Burgues! (effeito da tarde) Nota do autor - Nicolao Facchinetti / Etiqueta de AFFONSO NUNES LEILOEIRO PUBLICO N. 147 (?). Nota do organizador, 1: O Capitão Carlos Burgués, nascido Charles Gallopol Burguès no Rio de Janeiro em 1831, estabeleceu-se na região de Nova Friburgo como comerciante e cafeicultor; Nota do organizador, 2: Affonso Nunes foi um leiloeiro ativo no Rio de Janeiro em meados de século XX.
  • Nelson Leirner (1932-2020). NELSON LEIRNER X MONA LISA. 2004. Pendant de obra de arte e almofada. Tecido impresso revestido por espuma emoldurado por moldura de papelão impressa. 38 x 48 cm, todo o conjunto. Assinado e datado no verso da almofada Nelson Leirner 1999 + 5. Na obra, com a irreverência que sempre caracterizou seu trabalho, Leirner sugere três usos para a peça: pendurado na parede, decorando a poltrona ou servindo de cama para o cachorro (conforme ilustrado).
  • Brasil, século XVIII (?). SÃO MATEUS. Escultura em madeira, sem policromia. Altura = 25,5 cm. Os traços desta peça nos levam a crer tratar-se de obra executada ainda no século XVIII, se não anterior. Na presente obra, os principais atributos que identificam este apóstolo são o livro e a mão levada ao peito.
  • Oratório de alcova. Brasil, século XX. Madeira recortada e policromada. Decoração interna feérica e extravagante, feita com papéis e recortes multicoloridos. Apresenta no fundo um carimbo de inspeção na madeira, provavelmente de algum serviço nacional de inspeção agrícola. Medidas: h = 55; b = 32; p = 18 cm
  • Milton Dacosta (1915-1988). FIGURA COM CHAPÉU. 1958. Nanquim e caneta hidrocor sobre papel. 14 x 24 cm (mi); 25 x 31 cm (me). Assinado e datado M Dacosta 58 (cid). Alguma sujidade.
  • Artista anônimo. POINTE DE LA LANDE. 1910. Aquarela sobre papel. 14 x 19,5 cm. Localizado e datado no verso: à Ste. Marguerite / le 18 juin 1910. Protegida por passepartout desenhado a mão. Sem moldura. A Ponta de La Lande é um acidente geográfico localizado na Ilha de Santa Margarida, em Cannes, na França.
  • Brasil, meados do século XIX. SANTA QUITÉRIA. Escultura em barro cozido dita paulistinha. A indumentária, a coroa e o livro são os atributos que permitem Identificar esta santa, além da palma (ausente), que provavelmente levava à mão direita. Altura = 17,5 cm. Em perfeito estado de conservação.
  • Milton Dacosta (1915 - 1988). VISITA À QUINTA DA BOA VISTA. 1937. Óleo sobre madeira. 27 x 30 cm (mi); 33,5 x 37,5 cm (me). Assinado DACOSTA 937 (cid), com partes ilegíveis. Pertenceu à Coleção Augusta Cunha de Macedo, proprietária das famosas Casas Itararé, que era considerada a "Colombo de Petrópolis". Em bom estado de conservação.
  • Míriam Inês da Costa Silva Cerqueira, dita Mirian (Trindade/GO, 1939 - Rio de Janeiro/RJ, 1996). MÚSICO. 1981. Óleo sobre madeira. 21,5 x 24 cm. Não possui moldura. Assinado Mirian - 81 (cid).
  • Japão, 1950 C. Cinco graciosas esculturas minimalistas (okimonos) em ferro patinado representando "dançarinos e músicos" do tradicional Festival Awa de Dança, realizado em Tokushima, Shikoku. São duas dançarinas (com chapéu dito amigasa), um dançarino e dois músicos. Apresentam ideogramas gravados, conforme ilustrado. Altura = 11 cm (cada).
  • Mauro Signanini (escultor italo-brasileiro ativo em São Paulo na segunda metade do século XX). CENTAURO. 1959. Baixo-relevo em estuque policromado. 19,5 x 18,5 cm (mi); 28 x 27 cm (me). Moldura original de época. Peso = 1425 g. Artista premiado no 26 e no 27 Salão Paulista de Belas Artes, realizados respectivamente em 1961 e 1962. Assinado São Paulo 1959 M. Signanini (cie).
  • Fátima Tosca (Salvador/BA, 1960). O TÚNEL. 1990. Acrílica sobre tela. 81 x 65 cm (mi). Assinado no cid. Titulado, localizado, assinado e datado no verso. Adquirida por volta de 1990 na Paulo Darzé Galeria de Arte, Salvador/BA. Atenção: este lote deve ser retirado em endereço a ser fornecido ao arrematante na cidade de São Paulo.
  • Brasil, século XIX. Estação ou passo de via sacra originário de igreja. Trata-se do número IV, intitulado "Encontro de Jesus com sua Mãe Santíssima". Altura = 52 cm; base = 39 cm; profundidade = 6 cm. Gesso policromado. Em ótimo estado de conservação. Raridade!
  • Caetano Dias (Feira de Santana/BA, 1959). SPECULUM. 1996. Acrílica sobre tela. 110 x 160 cm. Titulado, assinado e datado no verso. Adquirida por volta de 1990 na Paulo Darzé Galeria de Arte, Salvador/BA. Atenção: este lote deve ser retirado em endereço a ser fornecido ao arrematante na cidade de São Paulo.
  • Miguel dos Santos (Caruaru/PE, 1944). CAVALEIRO MEDIEVAL. 2014. Pintura sobre azulejo. 15,5 x 15,5 cm (o azulejo); 28,5 x 28,5 cm (a peça). Assinado Miguel dos Santos 14. Emoldurado.
  • Minas Gerais, Brasil, século XIX. Belíssimo crucifixo de fatura popular em madeira recortada e policromada. Altura = 43 cm. Apresenta discreto lascado no pé direito e marcas do tempo.

41 Itens encontrados

Página: